sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Quando ex-namorada é realmente (e nada mais do que) uma ex?

Existe todo um preconceito e medo que ronda as ex-namoradas, muitos acreditam que ex que é boa é ex morta. Não necessariamente nesta ordem, claro. Nós, meninos, que não somos bobos e nem nada, nunca vemos mal algum em andarmos próximos às nossas namoradas antigas. Claro, a gente não quer enxergar nada demais. Porém, para o outro, a situação pode ser bem chata.
Existe um milhão de tipos de ex-namoradas. Têm aquelas que continuam apaixonadas pelo garoto, têm aquelas que desencanaram totalmente e agora só querem a amizade, têm aquelas que não gostam mais do garoto, mas querem que todo o mal do mundo aconteça com ele… Enfim, a gente só tem que saber avaliar as pessoas.
Muitos garotos acreditam que as meninas, melosas que só, demoram muito tempo para esquecer os seus namorados. Quando a relação termina, existe toda aquela choradeira, lamúrias, e-mails e ligações para tentar consertar o acontecido. Porém, muitos meninos não se tocam que a gente pode demorar muito mais tempo para esquecer a antiga amada do que elas. Sei lá porque, mas a chance de uma recaída é forte quando nos deparamos com a ex e, por isso, sua namorada, que entende as mulheres e sabe como elas podem ser malvadas quando querem, fica com ciúmes.
O ideal, para os meninos, é tentar não ficar de muita conversinha com a ex, senão a sua garota pode acabar se magoando e isso pode gerar uma boa briga. Para as meninas, o certo é evitar ataque de ciúme – apesar de parecer difícil nesta situação. Afinal, agora é você quem está com ele, não ela.
E você, já teve problema com as suas ex?

Nenhum comentário: