segunda-feira, 1 de março de 2010

Seis coisas que as mulheres querem saber, mas não têm coragem de perguntar

Quando se vive um relacionamento, surgem muitas dúvidas com relação ao comportamento do parceiro, seja sobre o que ele fazia antes de te conhecer ou mesmo a respeito das atitudes dele depois que vocês começaram a ficar juntos. Muitas delas eles não se importariam de responder, mas o problema é você ter coragem de questioná-las. Confira algumas das "temidas" perguntas e possíveis respostas. 

1. Será que ele já transou com uma mulher pensando em outra?
Pode ser que sim e efetivamente os homens podem fantasiar com outra ou várias mulheres na hora da transa, mas saber disso não vai te proporcionar nenhum tipo de benefício. Além disso, pode ser que ele tenha feito isso em alguma relação passageira ou com uma mulher que não valorizava suficientemente e isso não quer dizer que vá fazer a mesma coisa com você. E será que você também nunca pensou em outro?

2. Será que ele já fingiu prazer na cama quando na verdade não estava sentindo nada?
Já foi comprovado que os homens também podem fingir orgasmos para fazer com que sua parceira se sinta bem, da mesma forma que as mulheres fazem com os homens. É verdade que falar sobre sexo é importante, mas se você sente que só passou por essa situação uma ou duas vezes pode atribuir isso ao cansaço ou ao estresse. Enquanto este quadro não passar da conta e se tornar algo freqüente não há necessidade de falar sobre isso e nem de incriminar o seu parceiro.

3. Ele já traiu em relacionamentos anteriores?
Talvez sim, talvez não. Mas, não se pode basear um relacionamento atual em um anterior. Pode ser que ele tenha sido infiel porque era mais jovem, menos compreendido ou simplesmente porque não estava apaixonado. Além disso, se a resposta for um "sim", você ficará com dúvidas e viverá um eterno fantasma que não necessariamente irá acontecer com você.

4. Ele já teve fantasias sexuais com a melhor amiga dele? Ou pior, será que ele já transou com a melhor amiga?
Não seria estranho se isso já tivesse acontecido, já que na maioria das vezes, os melhores amigos acabam "provando" uma espécie de relação que pode funcionar ou não. Neste caso, se o seu parceiro tiver uma melhor amiga, não significa que ele pense nela quando está com você. Se fosse assim, por que ele estaria com você e não com ela?

5. Será que ele já teve fantasias com a sua irmã ou com a sua melhor amiga? Ou será que já tentou alguma coisa com elas?
Assim como na situação com a melhor amiga, não tente criar fantasmas e problemas desnecessários no seu relacionamento. Parta do princípio de que se ele está com você é porque gosta de você.

6. Existe algo sobre o passado sexual dele que você não saiba?
Quem sabe ele já não teve relacionamentos com uma mulher casada, com outro homem ou com alguma colega na época em que fazia estágio. O passado é passado de verdade e, mesmo que a honestidade seja a base de qualquer relacionamento, não há porque querer saber de todas as "andanças" e experiências juvenis do seu parceiro enquanto você não se sentir ameaçada por elas.

Nenhum comentário: